A Fundação como formadora de indivíduos potentes

espelho

“Por formação de indivíduo potente, acreditamos na escuta atenta, na reflexão de nossas ações, na pesquisa, na troca pensando no processo de aprendizagem  de todos – criança, adolescente, educadores e família”.

Ana Teresa Gavião Mariotti, diretora de formação

Entendemos ainda a importância da formação permanente do educador, e por isso propiciamos a troca de experiências com os colegas por meio de grupos de estudos ligados a universidades e organizações internacionais.

Olhar integral para o indivíduo

Ações que abrangem uma formação educacional, humana e cidadã.

 

A Fundação como produtora de conhecimento

A Fundação em parceria com a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), tem como objetivo de realizar estudos que contribuam para a formação, implementação e avaliação de Políticas Públicas voltadas à Educação no Brasil.

Com início em 2013 e duração de três anos, serão realizados cursos, intercâmbios e publicações.

image02

Convênio firmado com Unicamp e Fondazione Reggio Children firma internacionalização da Fundação e postura ativa na formação de políticas públicas educacionais

O projeto educacional como um processo orgânico, contínuo e social

A Fundação acredita que o projeto educacional começa na Educação Infantil e se estende até o Ensino Médio, de maneira gradativa e coerente, como um trabalho contínuo. Para isso, seguimos os seguintes princípios norteadores:

Aprendizagem integral: as crianças e jovens entram na instituição pela manhã e saem no fim da tarde, vivenciando além dos estudos, tempo para esportes, alimentação balanceada e cuidados com a saúde.

Documentação, avaliação e formação: nossas práticas pedagógicas são documentadas para que estejam sob permanente avaliação e sirvam como material de formação para os educadores refletirem sobre suas práticas.

Escola-ateliê: a escola fomenta a criatividade e a experimentação.

Parceria com família e comunidade rede de recursos sociais: trabalho próximo com a família, importante pilar do universo da criança e do jovem, e instituições externas.

“Eu faloPIL_4514_RETRATO_Site sempre para o João, meu marido, que assim como nossas crianças, nós também crescemos junto com a Fundação: aprendemos a andar, a falar e a nos comunicar com ela. Foi porque sabíamos que nossas crianças estavam recebendo a melhor formação que pudemos sair tranquilos para trabalhar. Fomos crescendo. De um quartinho emprestado, hoje temos uma casa construída em que as crianças têm um quarto só delas”.

Marta Oliveira

logo_EACG_principios

 

 

DSC02881

 

IMG_8040